COLPOSCOPIA


Como é feita a colposcopia

Leia também sobre Vídeo Colposcopia

Preparo para a colposcopia e vulvoscopia

Colposcopia é um exame que permite visualizar a vagina e o colo do útero através de um aparelho chamado COLPOSCÓPIO. Estes exames são grandes aliados no diagnóstico e tratamento do HPV, Human Papiloma Virus, da vagina e do colo do útero. A colposcopia é indicada nos casos de resultados anormais do exame de papanicolaou para se identificar as lesões precursoras do câncer de colo de útero.
Este aparelho permite o aumento de 10 a 40 vezes do tamanho normal.
O exame é realizado no próprio consultório médico com a paciente na mesa de exame. Após colocar o espéculo vaginal o médico examina a vulva, a vagina e o colo do útero com o colposcópio.

Veja as imagens do colo do útero. Também é com o colposcópio que é examinada a Vulvae o nome deste exame é vulvoscopia.
Havendo lesões suspeitas é feita uma biópsia de colo do útero
ou biópsia de vagina ou biópsia de vulva e o material enviado para exame anatomopatológico para diagnóstico.
Resultados da colposcopia

Espéculo Vaginal

Colposcópio

As imagens obtidas são de grande aumento permitindo verificar pequenas alterações impossíveis de serem vistas a olho nu.

Imagens de Colposcopia
Para aumentar clique na imagem

Colo Normal

Colo com alterações

Durante a colposcopia são usados produtos químicos e corantes para realce de áreas a serem examinadas.
A colposcopia não dói.
Este exame é geralmente recomendado para mulheres que tem um resultado anormal do exame de papanicolaou ou para aquelas que durante o exame ginecológico foi notada alguma alteração.
A colposcopia também é indicada quando é necessária uma biópsia do colo do útero ou quando há uma suspeita de Papiloma Virus. ( HPV )

O câncer do colo de útero é o segundo mais importante nas mulheres do Brasil, sendo previstos para o ano de 2013, cerca de 17.000 novos casos, com um risco estimado de 17 casos a cada 100 mil mulheres.
Mais de 90% dos câncer de colo de útero estão associados ao HPV, um vírus de transmissão sexual.
A prevenção desta doença se faz pelo uso de preservativos sexuais e sexo seguro.
A prevenção secundária é realizada pelo exame ginecológico anual com a colheita do papanicolaou.
A colposcopia é um exame que observa o colo de útero através de aparelhos que permitem visualizar as alterações microscópicas que o HPV causa.

  1. Exame ginecológico
  2. Colposcopia
  3. Vulvoscopia
  4. Preparo para a colposcopia e vulvoscopia
  5. Informações sobre HPV - Human Papiloma Virus
  6. Mais da metade dos homens têm o vírus HPV
  7. Como o HPV ser transforma em câncer de colo do útero
  8. Resultados do exame preventivo de câncer
  9. Resultado da colposcopia

 

 

revisto e atualizado em 08 de setembro de 2013 11:01:35

Fonte:

Colposcopy - Cervical Pathology: Textbook and Atlas 3rd edition. Burghardt E, Pickel H, Girardi F. Theime New York 1998
Ferris DG, Willner WA, Ho JJ. Colposcopes: A critical review. J Fam Pract 1991; 33:506-15.
Stafl A, Wilbanks GD. An international terminology of colposcopy: Report of the nomenclature committee of the International Federation of Cervical Pathology and Colposcopy. Obstet Gynecol 1991; 77:313-4.
Ferris DG, Willner WA, Ho JJ. Colpophotography systems: A review. J Fam Pract 1991; 33:633-9.
Ferris D, Payne P, Frisch L, et al. Cervicography: Adjunctive cervical cancer screening by primary care clinicians. J Fam Pract 1993;37:158-64.
Nuovo J, Melnikow J, Hutchison B, Paliescheskey M. Is cervicography a useful diagnostic test? A systematic overview of the literature. J Am Board Fam Pract 1997;10:390-7.
Greimel ER, Gappmayer-Locker E, Girardi FL, Huber HP. Increasing women's knowledge and satisfaction with cervical cancer screening. J Psychosomatic Obstet Gynecol 1997; 18(4):273-9.
Etherington IJ, Dunn J, Shafi MI, Smith T, Luesley DM. Video colpography: A new technique for secondary cervical screening. Br J Obstet Gynaecol 1997; 104(2):150-3.
Shafi MI, Luesley DM. Modern image capture and data collection technology. Clin Obstet Gynechol 1995; 38:640-3.
Mikhail M, Anyaegbunam A, Romney SL. Computerized colposcopy and conservative management of cervical intraepithelial neoplasia in pregnancy. Acta Obstet Gynecol Scand 1995; 74:376-8.
Cristoforoni PM, Geraldo D, Perino A, Piccoli R, Montz FJ, Capitanio GL. Computerized colposcopy: Results of a pilot study and analysis of its clinical relevance. Obstet Gynecol 1995; 85:1011-6.
Cox JT. ASCCP practice guidelines: Endocervical curettage. J Lower Genital Tract Disease 1997; 1:251-6.
Hoffman MS, Sterghos S Jr, Gordy LW, Gunasekaran S, Cavanagh D. Evaluation of the cervical canal with the endocervical brush. Obstet Gynecol 1993; 82:573-7.
Ferris DG, Harper DM, Callahan B, Robinson T, Litaker MS, Messing M, Mensah L. The efficacy of topical benzocaine gel in providing anesthesia prior to cervical biopsy and endocervical curettage. J Lower Genital Tract Disease 1997; 1:221-7.

 
Clinica de Ginecologia e Obstetrícia em São José dos Campos dedicada à Saúde da Mulher. Áreas de interesse: Endometriose, HPV, Colposcopia, Infertilidade, Sexualidade Feminina, Menopausa, Check-Up Feminino
Av. Dr. Adhemar de Barros, 566, sala 709
Sao Jose dos Campos
SP
12245011
Brasil

Nós aderimos aos princípios da charte HONcode da Fondation HON Nós aderimos aos princípios da carta HONcode.
Verifique aqui.